Liderança: Indo Ao Encontro Dos Seus Valores

Redescobrindo sua paixão

Imagine o que aconteceria se você pudesse se sentir inteiro(a) no trabalho…

Sabe o que está impedindo isso de acontecer?

Se você estiver num cargo de liderança, o fator mais importante no sucesso do seu negócio é compreender o que impulsiona você pra frente.

Não importa O QUE impulsiona você. Pode ser sua paixão pelo design, pela comida, ou por ajudar as pessoas a conseguirem um emprego. Apenas importa que você esteja ciente do que impulsiona você.

Tudo no seu negócio começa aqui.

Quando você se conhecer a fundo, vai transformar tudo na sua forma de abordar o negócio. Vai influenciar a maneira com a qual gerencia, o que pensa sobre sua marca, e até os menores detalhes sobre as interações da sua equipe com os seus clientes.

O que segura o negócio é quem você é

Tenho uma notícia boa e uma notícia ruim. A boa é que você está liderando. A ruim é que você está liderando. Você está liderando, quer queira quer não. Seus colaboradores e clientes estão todos olhando pra você para saber o que fazer e como reagir. Se quiser que seu negócio floresça, auto-conhecimento é obrigatório.

Talvez se sinta intimidado(a) por isso.

Agora pense na oportunidade que tem.

Você não precisa comunicar isso para todos. Ser um bom líder não significa necessariamente ter uma grande personalidade. Significa apenas que você tem uma plataforma para canalizar sua paixão para o mundo através do seu negócio.

Com essa oportunidade vem também responsabilidade.

Torne-se um líder aberto

Como em todas as partes do meu processo de coaching, convido você a olhar para sua vida e seu negócio com perspectiva.

Talvez você não se sinta um líder.

Talvez sinta que não sabe o que está fazendo.

Talvez se sinta seguro em certos pontos fortes seus, mas se dá conta que seu estilo de liderança não bate com seus melhores colaboradores (não tem problema nenhum se isso tiver acontecendo).

O segredo é o seguinte: as suas habilidades como líder não são mensuradas pelas respostas que você já sabe. São mensuradas pelo quão aberto e transparente você é em relação aos seus pontos fortes e fracos.

É preciso muita coragem para mergulhar neste território. Existem inúmeros motivos para deixar isso pra depois. É difícil imaginar como este trabalho vai permitir que solucione os problemas que estão diante de você hoje.

A minha experiência me diz que você vai ficar chocado(a). O que você descobrir vai ajudar você a gerenciar todas as questões do seu dia-a-dia mais rápido do que você pode imaginar.

O melhor é que você não precisa se conhecer completamente. Precisa apenas estar engajado no processo de se conhecer.

Quem você é não tem concorrência

Se você olhar para sua concorrência, vai ver que pouquíssimos empresários tem esse tipo de força interna.

Isso não é um motivo para buscar o auto-conhecimento, claro. Se esta for sua motivação, não encontrará respostas honestas. Mas vale a pena se dar conta que, ao se engajar neste processo, você se distingue instantaneamente da concorrência. São poucos os negócios que operam com integridade de dentro pra fora.

Acredite se quiser. Esse fator por si só é o motivo principal pelo qual as pessoas compram de você ou não.

Não tem nada a ver com preço, nem com as características do seu produto ou serviço, nem pelo que dizem nas mídias sociais.

Tudo se resume a uma pergunta simples

A pergunta é:

pergunta-central

Será que eu me sinto bem ao colocar meu nome ao lado do dela?

Percebe agora por que é fundamental que você descubra quem você é e o que você representa, e comunique isso ao mercado?

Sua equipe e clientes potenciais tem sede de sentir sua paixão. Querem sentir a importância que dá ao que faz, para que eles possam se sentir bem ao entregar seu tempo e seu dinheiro para você.

Faça isso por você e depois observe o que acontece. É mágico.

Gerenciar a partir do que importa

É fundamental que você descubra ou redescubra seus valores, sua paixão e seu propósito.

Resumindo, aquilo que mais importa pra você.

Não importa se você chama isso de valores, crenças, convicções, princípios ou missão. O que importa é a resposta à pergunta: “Por que eu faço o que faço?” É uma conversa que você tem com você mesmo e que evolui. É o que constitui a essência do seu trabalho, pouco importa o tipo de trabalho que faz ou com quantas pessoas o faz.

Isso é a alma do seu trabalho. Os resultados desse processo podem transformar o seu negócio e sua vida. Quando você começa a planejar, a desenvolver um novo produto, a determinar preços, ou a recrutar novos colaboradores a partir deste ponto, tudo fica diferente.

Não é algo que você escreva e arquive. Você fica voltando para o que escreveu por que é a sua raiz, a sua âncora para os momentos difíceis de dúvida, incerteza e insegurança.

É aquilo para que vai olhar eventualmente e pensar: “Sempre me perguntei se eu era capaz de fazer isso… Agora eu sei que posso… Estava dentro de mim o tempo todo.”

Quando você sabe o que impulsiona você pra frente a partir desse lugar mais profundo, suas intenções e suas ações decorrem com facilidade dele. Você não precisa passar tanto tempo analisando e decidindo o que fazer. Você usa seus sentimentos e suas intuições e as respostas começam a vir para você em vez de você se cansar correndo atrás delas.

Como vai descobrir se fizer um processo de coaching comigo, tenho algumas abordagens não-intuitivas aos problemas de negócio. Inevitavelmente, existe apenas um ponto de partida que faz sentido pra mim, e é começar por responder às grandes perguntas: “Quem é você?” “Por que faz o que faz?” “O que realmente importa pra você na sua vida?” “O que tem a compartilhar com o mundo?”

Dicas e estratégias

Já ajudei dezenas de pessoas de todas as idades, origens e profissões a esclarecerem seus valores. Seguem uma série de estratégias e dicas que as ajudaram a ir mais fundo e fazer o que você vai fazer agora:

1. Não se apresse. É natural empacar ao tentar escrever algo tão grandioso. Se se sentir sobrecarregado, faça uma pausa, dê uma caminhada, converse com sua esposa/marido ou com um amigo. Aguarde que a inspiração volte a fluir e acontecerá.

2. É sobre você. Os seus valores, o que você deseja da vida – isso precisa estar ligado a você em primeiro lugar. Você terá muito tempo para trabalhar sobre o impacto que isso terá sobre seus colaboradores e clientes. Mesmo que o que é importante para você seja servir aos outros, lembre-se que VOCÊ está escolhendo isso por que acha que é a coisa certa a fazer. Quanto mais você centrar seu trabalho em você, mais poderosa será essa ferramenta. Isso pode ser difícil para pessoas que costumam colocar as necessidades dos outros antes das suas. Você pode perguntar: “Mas não é isso que um bom chefe deve fazer?” Eu não acho. Sonhe, imagine, escreva a sua própria história, confie em mim: é isso que as pessoas ao seu redor realmente querem que você faça.

3. Peça ajuda. Se empacar no processo, peça ajuda ao seu cônjuge ou um amigo. Pergunte o que acham que mexe com você. Demonstre que realmente quer saber. Se você for como a maioria das pessoas, pode se surpreender com a opinião que têm a seu respeito. Provavelmente acham você uma pessoa apaixonada, criativa e inspiradora. Não confie no seu crítico interno.

4. Estique-se. A parte a mais importante deste processo é não se permitir ficar limitado pela situação atual da sua vida e do seu negócio. Lembre, você já começou a alterar tudo isso. Imagine a realidade do jeito que deseja que ela fique, a vida que deseja ter, como quer se sentir em relação ao seu trabalho e ao seu produto. Tudo bem se você ficar com vergonha, ou se sentir arrogante ou egoísta. Não dê bola pra isso. O objetivo é redefinir o seu futuro do jeito que deseja.

5. Disponibilize horas vagas. Não tente descobrir seus valores enquanto escreve emails. Tome o tempo necessário. Tire uma noite ou uma tarde de final de semana. Desligue seu telefone e as redes sociais. Não se preocupe em ser um bom escritor. Nada disso importa. A única coisa que importa é que você traga o que tem dentro pra fora. O exercício é poderoso.  Vale o esforço tirar o tempo que for preciso.

Quando tiver terminado o processo, terá um pilar sólido para todo o trabalho de construir o negócio. Quando você consegue dizer para is mesmo e para os outros o que importa pra você, o resto acontece ladeira abaixo. Você precisa se sentir motivado quando ler seu enunciado de valores ou de missão. Se você ler esse texto para alguém que o ama, talvez fiquem com lágrimas nos olhos.

6. Permita que seja um processo. O objetivo não é cumprir uma tarefa ou obrigação, apesar de ter recompensas imensas quando tiver finalizado a tarefa. Tome o tempo necessário e espere as respostas mais profundas. Deixe que os pensamentos-surpresa cheguem a você. Troque ideias com seus amigos, peça que alguém que não conhece seu negócio leia seu enunciado e lhe dê feedback, ou envie a primeira versão para seu coach se você tiver um.

7. Já é seu. Seja honesto com você mesmo. Ouse escrever uma nova história para sua vida e seu negócio. Reescreva tantas versões quanto for preciso. Rasgue o que escreveu e recomece se sentir que não era bem o que queria. Tudo já está em você. As vezes, é difícil permitir que venha a tona com a correria do dia-a-dia.

8. Está no coração, não na sua cabeça. Sinta o caminho na medida do possível em vez de pensar. Não pense em números ou conquistas. Volte sempre para o sentimento que deseja para sua vida. Para aqueles entre nós que estão acostumados a desbravar o dia, talvez essa seja a parte mais difícil de todas. É como exercitar um músculo pela primeira vez.

BONUS: As perguntas de descoberta

Nos negócios, tudo flui do centro. O centro é você. Especificamente, a forma única que tem de enxergar a vida e as forças que impulsionam você para a frente.

Preparei três perguntas que uso com os meus clientes. Vão cutucar você para que consiga encontrar o caminho dos seus valores e da sua missão.

Clique no botão abaixo para acessar imediatamente o bonus.

QUERO DESCOBRIR OS MEUS VALORES
Martin Messier
 

Martin Messier é Canadense e mora no Brasil desde 2003. É CEO do grupo Toca da Empada, que fatura 7 dígitos anualmente. Ajudou empreendedores do mundo todo a focar seus negócios, desenvolver estratégias de crescimento e levá-los a faturamentos de 5 e 6 dígitos mensais.

Clique Aqui Para Deixar Um Comentário Abaixo 4 comentários